Superliga Cimed 2018-2019
Você está em: Home > Notícias > Superliga Banco do Brasil 20/21

CBV e clubes planejam tabela e calendário de competições


Publicado em: 11/08/2020 15:57
Tabela da Superliga Banco do Brasil 20/21 está em análise (Créditos: Divulgação/CBV )

A Confederação Brasileira de Voleibol (CBV) segue com o planejamento para a próxima edição da Superliga Banco do Brasil 20/21. Na manhã desta terça-feira (11.08), a entidade se reuniu de forma virtual devido a pandemia da COVID-19 com representantes das equipes participantes da competição feminina para acordo sobre a tabela e o calendário das competições.

As equipes e a CBV fizeram um primeiro rascunho da tabela que estará sob análise dos clubes para possíveis modificações até o dia 31 de agosto. Na reunião estiveram presentes representantes das 12 equipes confirmadas na Superliga Banco do Brasil feminina 20/21; Sesi Vôlei Bauru (SP), Brasília Vôlei (DF), Curitiba Vôlei (PR), Fluminense (RJ), Itambé/Minas (MG), Osasco Audax/São Cristóvão Saúde (SP), Pinheiros (SP), Dentil/Praia Clube (MG), São José dos Pinhais (PR), Sesc RJ Flamengo (RJ), São Paulo/Barueri (SP) e São Caetano (SP).

Após a reunião, o superintende de competições quadra da CBV, Renato D´Avila, ressaltou o trabalho conjunto entre os clubes e a instituição na busca pela melhor tabela possível para a próxima edição do campeonato.

“Todos tivemos que nos adaptar e foi muito importante ter a colaboração e o trabalho dos clubes em conjunto com a CBV na construção do melhor formato possível para a competição. Ainda vamos discutir o regulamento na sexta-feira. Todos fizeram um trabalho excepcional, já temos um esboço de tabela e um plano B. Agora com um primeiro esboço vamos dar os próximos passos na organização”, afirmou Renato D´Avila.

Dando sequência ao planejamento da competição, nesta quarta-feira (12.08) será realizada também de forma virtual a reunião com as equipes da competição masculina.

O Banco do Brasil é o patrocinador oficial do voleibol brasileira