Superliga 2019-2020
Você está em: Home > Notícias > Classificado!

Sesc RJ é o primeiro semifinalista da competição


Publicado em: 27/03/2019 23:41
Festa do Sesc RJ, classificado para a semifinal (Créditos: Orlando Bento/MTC)

O Sesc RJ é o primeiro semifinalista da Superliga Cimed masculina de vôlei 18/19. A equipe carioca bateu o Fiat/Minas (MG) nesta quarta-feira (27.03), por 3 sets a 0, e está classificada para a próxima fase da competição. No outro jogo da noite, também pelas quartas de final da competição, o Vôlei Renata (SP) superou o EMS Taubaté Funvic (SP) por 3 a 1 e empatou a série melhor de três jogos.

Na primeira vaga preenchida, mesmo atuando na Arena Minas, em Belo Horizonte (MG), casa do adversário, o Sesc RJ venceu por 3 a 0 (25/19, 25/19 e 25/22) e, depois de vencer também o primeiro jogo em casa, fechou a série pelas quartas de final, garantindo a classificação. O grupo comandado pelo técnico Giovane Gávio aguarda pela definição de Sesi-SP x Vôlei UM Itapetininga (SP) para conheceru seu adversário da semifinal.

Nesta noite, o ponteiro Maurício Borges foi o jogador mais votado no site da Confederação Brasileira de Voleibol (CBV) e, por isso, foi premiado com o Troféu VivaVôlei, de melhor da partida. Após o jogo, o jogador falou sobre a classificação.

“O primiordial nesse time é o nosso grupo, que é muito forte. Nossa amizade dentro da quadra surte efeito em termos de jogo e acredito que esse seja o nosso diferencial. Com isso, o resto vai saindo como consequência. Hoje o nosso jogo tático funcionou bem e deu tudo ceto”, afirmou Maurício Borges.

Outro destaque do time semifinalista foi o oposto Wallace, maior pontuador do jogo, com 20 acertos. “Erramos muito menos do que eles e isso fez diferença. Nosso sistema ofensivo funcionou muito bem e isso dá um peso enorme para o nosso lado. Estamos em uma crescente, depois de um período de altos e baixos, e agora a tendência é crescer cada vez mais”, analisou Wallace.

Pelo Fiat/Minas, o capitão Marlon fez uma análise do desempenho do seu time. “A equipe de lá esteve muito bem equilibrada em todos os fundamentos e, além disso, o Wallace faz a diferença. É incrível como ele mantém o padrão de eficiência. Nossa equipe pecou um pouco e eles conseguiram abrir nos finais do set. Mas, esse é um baita aprendizado para essa equipe jovem e, para mim, foi um ano de experiência e amadurecimento. Para todos nós foi de grande valia enfrentar grandes jogadores como os do Sesc RJ”, destacou Marlon.

No primeiro jogo da noite, vitória do Vôlei Renata e empate na série melhor de três jogos pelas quartas de final contra o EMS Taubaté Funvic. Em casa, e contando com o apoio da torcida, que encheu o ginásio Taquaral, em Campinas (SP), o time dirigido pelo técnico Horacio Dileo venceu por 3 sets a 1 (25/23, 20/25, 25/15 e 25/20), e ainda teve grande desempenho do ponteiro Bruno Temponi para garantir o resultado positivo.

Logo depois de receber o Troféu VivaVôlei, por ser eleito o melhor jogador da partida, Temponi, que ainda foi o maior pontuador do jogo, com 20 acertos, falou elogiou a atuação do grupo.

“Hoje conseguimos imprimir o nosso ritmo de jogo, com poucos erros, muito voleume de jogo, o que faltou especialmente nos dois primeiros sets da primeira partida, em Taubaté. Fico miito feliz com o VivaVôlei, mas foi uma boa atuação de toda a equipe. É um trabalho que viemos desenvolvendo durante toda a temporada, de muita obediência tática e isso fez a diferença hoje”, disse Bruno Temponi.

Do lado do EMS Taubaté Funvic, o ponteiro Lucarelli também comentou sobre o desempenho do seu time e fez questão de elogiar o adversário.

“A nossa recepção poderia ter sido um pouco melhor e isso dificultou algumas jogadas do nosso time. O saque não entrou, diferente de como foi em Taubaté, e erramos bastante. A constância que tivemos no primeiro jogo não houve hoje e, além de tudo isso, não tem como tirar o mérito da equipe deles. Voltamos hoje para cada e agora é tentar descansar um pouco para estar inteiro na sexta-feira”, destacou Lucarelli.

O terceiro e último duelo entre as equipes será na próxima sexta-feira (29.03), às 19h, no ginásio do Abaeté, em Taubaté (SP), onde aconteceu o primeiro jogo, já que a equipe do Vale do Paraíba teve melhor desempenho na fase classificatória da Superliga Cimed masculina – terceiro contra sexto. O confronto terá transmissão ao vivo do SporTV 2.

SUPERLIGA CIMED MASCULINA 18/19

Quartas de final

PRIMEIRA RODADA

23.03 (SÁBADO) – EMS Taubaté Funvic (SP) 3 x 2 Vôlei Renata (SP), às 11h30, no ginásio do Abaeté, em Taubaté (SP) (25/14, 25/17, 25/27, 21/25 e 15/12)

23.03 (SÁBADO) – Sesc RJ 3 x 1 Fiat/Minas (MG), às 14h30, no Tijuca Tênis Clube, no Rio de Janeiro (RJ) (26/24, 20/25, 28/26 e 25/22)

23.03 (SÁBADO) – Sesi-SP 3 x 0 Vôlei UM Itapetininga (SP), às 21h30, no Sesi Vila Leopoldina, em São Paulo (SP) (25/23, 25/19 e 25/19)

24.03 (DOMINGO) – Sada Cruzeiro (MG) 3 x 2 Copel Telecom Maringá Vôlei (PR), às 19h, no ginásio do Riacho, em Contagem (MG) (21/25, 25/18, 25/23, 25/27 e 17/15)

SEGUNDA RODADA

27.03 (QUARTA-FEIRA) – Vôlei Renata (SP) 3 x 1 EMS Taubaté Funvic (SP), às 19h, no Taquaral, em Campinas (SP) (25/23, 20/25, 25/15 e 25/20)

27.03 (QUARTA-FEIRA) – Fiat/Minas (MG) 0 x 3 Sesc RJ, às 21h30, na Arena Minas, em Belo Horizonte (MG) (19/25, 19/25 e 22/25)

28.03 (QUINTA-FEIRA) – Vôlei UM Itapetininga (SP) x Sesi-SP, às 19h, no ginásio Ayrton Senna, em Itapetininga (SP) – SPORTV 2

28.03 (QUINTA-FEIRA) – Copel Telecom Maringá Vôlei (PR) x Sada Cruzeiro (MG), às 21h30, no Chico Neto, em Maringá (PR) – SPORTV 2

TERCEIRA RODADA

29.03 (SEXTA-FEIRA) – EMS Taubaté Funvic (SP) x Vôlei Renata (SP), às 19h, no Abaeté, em Taubaté (SP) – SPORTV 2

30.03 (SÁBADO) – Sesi-SP x Vôlei UM Itapetininga (SP), às 19h, no Sesi Vila Leopoldina, em São Paulo (SP) – SPORTV 2

30.03 (SÁBADO) – Sada Cruzeiro (MG) x Copel Telecom Maringá Vôlei (PR), às 21h30, no ginásio do Riacho, em Contagem (MG) – SPORTV 2

O Banco do Brasil é o patrocinador oficial do voleibol brasileiro