Superliga 2019-2020
Você está em: Home > Notícias > Equilíbrio

EMS Taubaté Funvic vence o Sesc RJ em jogo de cinco sets


Publicado em: 20/02/2019 23:09
EMS Taubaté Funvic comemora ponto (Créditos: Erbs Jr.)

Em um jogo extremamente equilibrado, definido somente no tie break, o EMS Taubaté Funvic (SP) levou a melhor sobre o Sesc RJ. Na noite desta quarta-feira (20.02), a equipe paulista esteve no Rio de Janeiro (RJ) e, na Jeunesse Arena, bateu os donos da casa por 3 sets a 2 (22/25, 25/23, 21/25, 32/30 e 15/12), em partida válida pela sétima rodada do returno da Superliga Cimed masculina de vôlei 18/19.

Com a vitória, o time de Taubaté somou mais dois pontos na classificação e chegou a 41, ocupando a terceira colocação. Já a equipe carioca colocou mais um ponto na conta e passou a ter 36, na quarta posição da tabela.

Nesta noite, o ponteiro Douglas Souza entrou ao longo da partida e terminou premiado com o Troféu VivaVôlei, de melhor jogador da partida. Escolhido pela comissão técnica do seu time, o jogador comemorou e elogiou o desempenho do seu time nesta noite.

“A vitória foi de extrema importância para o nosso time. Foi um jogo de altíssimo nível e foi fundamental o fato de termos cometido poucos erros ao longo da partida. Ainda temos muito o que melhorar, como nosso saque, que tem que ser mais constante, nossa linha de passe, que hoje acho que estranhou um pouquinho a dimensão do ginásio, mas conseguimos nos estruturar ao longo do jogo, isso foi muito bem, e saímos com a vitória”, disse Douglas.

O ponteiro do EMS Taubaté Funvic ainda falou sobre como seu time conquistou esse resultado positivo. “Sabíamos que ia ser jogo difícil por ser contra uma equipe tão forte, ainda mais estando em casa. Sempre é complicado. Mas, foi importante ter cabeça boa para sair do0s momentos difíceis, principalmente nos finais de set. Soubemos jogar, ter paciência na hora certa, agressividade na hora certa, e isso sobressaiu no jogo”, complementou Douglas.

O central do Sesc RJ, Leandro Aracaju, lamentou o resultado negativo em casa. “Fizemos uma boa partida, tivemos chances de fechar o jogo no quarto set, mas não conseguimos. Não vencemos por detalhes, infelizmente, faltou um pouco de capricho em algumas viradas de bola. Agora é trabalhar e focar no próximo jogo”, disse Aracaju.

Na próxima rodada, o time do Rio de Janeiro seguirá em casa e receberá o Vôlei UM Itapetininga (SP) no sábado (23.02). A partida será às 19h, novamente na Jeunesse Arena. O EMS Taubaté Funvic voltará a jogar em casa e, no mesmo dia, terá um grande duelo contra o Sesi-SP, às 20h30, com transmissão ao vivo do site Globoesporte.com.

Outros resultados da noite

Ainda pela sétima rodada, outros quatro jogos foram realizados nesta noite. O líder Sada Cruzeiro (MG), chegou a 45 pontos depois de somar mais três com a vitória sobre o São Judas Voleibol (SP) por 3 sets a 0 (25/17, 25/20 e 25/18). O central Le Roux foi o grande destaque da partida ao ser o maior pontuador com 12 acertos (sete de ataque e cinco de saque) e ainda foi escolhido o melhor em quadra, levando, assim, o Troféu VivaVôlei.

Também em casa, o Sesi-SP levou a melhor sobre o Fiat/Minas (MG) por 3 sets a 0, com parciais de 25/17, 26/24 e 25/22. O resultado colocou o time paulista colocado no líder, agora com 44 pontos. O oposto Alan comemorou a vitória e o fato de ter sido o maior pontuador, com 16 pontos (14 de ataque, um de saque e um de bloqueio). O ponteiro Lipe recebeu o maior número de votos no site da Confederação Brasileira de Voleibol (CBV) e, por votação popular, foi premiado com o Troféu VivaVôlei.

Fora de casa, o Caramuru Vôlei (PR) assegurou uma vitória ao derrotar o Vôlei UM Itapetininga (SP) por 3 sets a 2, de virada: 15/25, 25/23, 20/25, 25/18 e 15/11. A equipe paranaense contou com a boa pontuação do oposto Léozão, que marcou 26 vezes, sendo 24 de ataque, um de saque e um de bloqueio, e com o bom desempenho também do ponteiro Jonatas, eleito pela comissão técnica do seu time o melhor em quadra.

No último jogo da noite a acabar, o Vôlei Renata (SP) também conseguiu uma vitória fora de casa ao superar o São Francisco Saúde/Vôlei Ribeirão (SP) por 3 sets a 1 (25/23, 31/33, 26/24 e 25/23). Aniversariante desta quinta-feira (21.02), o levantador Demián foi considerado o melhor da partida e foi presenteado com o Troféu VivaVôlei. E dois jogadores dividiram o ponto de maior pontuador, sendo um de cada time: o ponteiro do time da casa, Gabriel, e o central da equipe de Campinas (SP), Luizinho, com 20 pontos cada um.

SUPERLIGA CIMED MASCULINA 18/19

Sétima rodada do returno

19.02 (TERÇA-FEIRA) – Copel Telecom Maringá Vôlei (PR) 3 x 0 Corinthians-Guarulhos (SP), às 21h30, no ginásio Chico Neto, em Maringá (PR) (25/22, 25/23 e 25/19)

20.02 (QUARTA-FEIRA) – Sesc-RJ 2 x 3 EMS Taubaté Funvic (SP), às 19h, na Jeunesse Arena, no Rio de Janeiro (RJ) (25/22, 23/25, 25/21, 30/32 e 12/15)

20.02 (QUARTA-FEIRA) – Vôlei UM Itapetininga (SP) 2 x 3 Caramuru Vôlei (PR), às 20h, no ginásio Ayrton Senna, em Itapetininga (SP) (25/15, 23/25, 25/20, 18/25 e 11/15)

20.02 (QUARTA-FEIRA) – São Francisco Saúde/Vôlei Ribeirão (SP) 1 x 3 Vôlei Renata (SP), às 20h, no ginásio Cava do Bosque, em Ribeirão Preto (SP) (23/25, 33/31, 24/26 e 23/25)

20.02 (QUARTA-FEIRA) – Sada Cruzeiro (MG) 3 x 0 São Judas Voleibol (SP), às 20h, no ginásio do Riacho, em Contagem (MG) (25/17, 25/20 e 25/18)

20.02 (QUARTA-FEIRA) – Sesi-SP 3 x 0 Fiat/Minas (MG), às 20h, no Sesi Vila Leopoldina, em São Paulo (SP) (25/17, 26/24 e 25/22)

O Banco do Brasil é o patrocinador oficial do voleibol brasileiro