Superliga Cimed 2018-2019
Você está em: Home > Notícias > No topo

Dentil/Praia Clube vence Sesc RJ e segue na liderança


Publicado em: 12/01/2019 00:20
Fawcett no ataque contra o Sesc RJ (Créditos: Divulgação/Sesc RJ )

O Dentil/Praia Clube (MG) segue na liderança da Superliga Cimed feminina de vôlei 18/19. Na reedição da última final da competição, melhor para o time mineiro. A equipe do treinador Paulo Coco venceu, nesta sexta-feira (11.01), o Sesc RJ por 3 sets a 1 (20/25, 25/16, 25/23 e 26/24), na Jeunesse Arena, no Rio de Janeiro (RJ). A partida foi válida pela última rodada do turno.

O time de Uberlândia (MG) aparece no topo da tabela, com 30 pontos (10 vitórias e uma derrota). O Minas Tênis Clube (MG), invicto e com um jogo a menos, é o segundo colocado, com 28 pontos e nove resultados positivos. O Sesc RJ está na quinta colocação, com 19 pontos (sete resultados positivos e quatro negativos).

A oposta norte-americana Nicole Fawcett, do time mineiro, brilhou no confronto, foi a mais votada no site da Confederação Brasileira de Voleibol (CBV) e ficou com o Troféu VivaVôlei.

A central Fabiana, que entrou durante a partida, comentou sobre a vitória do grupo de Uberlândia e o momento da competição.

“Quando começamos a errar menos e jogar melhor taticamente, o jogo melhorou para o nosso grupo. Joguei mais tempo na partida de hoje do que contra o Sesi Vôlei Bauru e estou evoluindo gradativamente. Esse primeiro turno aconteceu junto com outras competições, foram muitas viagens e ainda não conseguimos estar com o grupo 100% completo. No entanto, posso dizer que fizemos um bom turno e agora temos que pensar em melhorar ainda mais”, explicou Fabiana, que se recupera de uma lesão no joelho direito.

As duas equipes voltarão à quadra pelo returno na próxima sexta-feira (18.11). O Dentil/Praia Clube jogará contra o Balneário Camboriú (SC), às 19h30, no ginásio do Praia, em Uberlândia (MG). O Sesc RJ duelará com o Curitiba Vôlei (PR), às 20h, na Universidade Positivo, em Curitiba (PR).

Outros resultados da rodada

Em casa, o Hinode Barueri (SP) conseguiu boa vitória sobre o São Cristóvão Saúde/São Caetano (SP). Sem perder nenhum set, a equipe do técnico José Roberto Guimarães fez 25/19, 25/17 e 25/19. A levantadora Juma foi considerada um dos destaques e foi eleita, pela comissão técnica do seu time, a melhor da partida. A oposta Skowronska também contribuiu bem para a vitória do seu time ao marcar 22 pontos e sair de quadra como a maior pontuadora.

Também em seus domínios, o Balneário Camboriú conseguiu a primeira vitória na Superliga Cimed 18/19. A equipe catarinense bateu o Pinheiros (SP) por 3 sets a 1 (25/22, 25/22, 14/25 e 25/20). A levantadora Priscila Heldes foi premiada com o Troféu VivaVôlei, de melhor em quadra, e, apesar dor resultado negativo da sua equipe, a central Camila Paracatu foi quem mais pontuou, com 18 acertos.

O Sesi Vôlei Bauru (SP) jogou na casa do adversário e, no Rio de Janeiro (RJ), derrotou o Fluminense (RJ) por 3 sets a 0. O time dirigido pelo técnico Anderson fez 25/22, 25/21 e 25/23, com destaque da italiana Diouf, que recebeu o Troféu Vivavôlei. Mesmo com a derrota do seu time, a oposta Joycinha também teve atuação destacada ao ser a jogadora que mais marcou pontos na partida: 21.

O Osasco-Audax (SP) também saiu vitorioso nesta noite. A equipe paulista esteve em Brasília (DF) e levou a melhor sobre as donas da casa, BRB/Brasília Vôlei (DF), por 3 sets a 0. Com bom desempenho da central Natália, dona do Troféu Vivavôlei, o time fez 25/11, 25/20 e 25/21 nesta noite. A oposta Hooker, também de Osasco, saiu de quadra como a maior pontuadora ao marcar 14 vezes.

O Minas Tênis Clube (MG) manteve a invencibilidade na Superliga Cimed 18/19 ao vencer o Curitiba Vôlei (PR) por sets diretos: 25/21 26/24 e 25/16. Diante de sua torcida, na Arena Minas, em Belo Horizonte (MG), a equipe contou com noite inspirada da oposta Bruna. A jogadora encerrou o jogo com o Troféu VivaVôlei em mãos e também foi quem mais marcou pontos na partida, com o total de 23.

O JOGO

O jogo começou equilibrado. Bem no bloqueio, o Dentil/Praia Clube abriu três pontos (8/5). Bem no saque e, com uma bola de segunda da levantadora Roberta, o time carioca virou o marcador (13/12). A equipe do treinador Bernardinho manteve o bom momento na parcial e fez 16/14. Com volume de jogo, o grupo carioca aumentou a vantagem no placar para quatro pontos (20/16). O Sesc RJ segurou o placar até o final e venceu o primeiro set por 25/20.

O Dentil/Praia Clube fez os três primeiros pontos do segundo set. O time visitante seguiu melhor e abriu seis pontos (12/6). Bem no saque e no bloqueio, as mineiras fizeram 18/10 e o treinador Bernardinho pediu tempo. A central Bia fez dois pontos de saque e a diferença no marcador caiu para seis pontos (20/14). O Dentil/Praia Clube segurou a vantagem até o final e venceu o segundo set por 25/16.

O Sesc RJ voltou melhor no início do terceiro set e fez 4/1. O time visitante cresceu de produção e virou a parcial (8/7). Neste momento, o treinador Bernardinho pediu tempo. Com Rosamaria bem no saque, as mineiras aumentaram a vantagem no placar para seis pontos (13/7). As cariocas voltaram a virar as bolas e encostaram no placar (14/11). As mineiras fizeram um ponto de bloqueio e a vantagem voltou para quatro pontos (17/13). O time mineiro segurou uma grande reação das donas da casa e venceu o terceiro set por 25/23.

O quarto set começou equilibrado. Depois de um belo rally, as cariocas abriram dois pontos (5/3). O Sesc RJ fez 6/3 e o treinador Paulo Coco pediu tempo. Bem no saque, o Sesc RJ aumentou a vantagem para cinco pontos (10/5). O As mineiras fizeram três pontos seguidos e a diferença no marcador caiu para dois pontos (10/8). Numa boa sequência de saques da central Fabiana, o Dentil/Praia Clube virou o marcador (14/13) e o treinador Bernardinho pediu tempo. A partida ficou equilibrada. Com um ataque para fora da ponteira Fernanda Garay, o time carioca fez 20/19. O final da parcial foi disputado ponto a ponto. As visitantes foram melhores nos momentos decisivos e venceram a parcial por 26/24 e o jogo por 3 sets a 1.

EQUIPES:

SESC RJ – Roberta, Monique, Peña, Kosheleva, Juciely e Bia. Líbero – Gabiru 
Entraram – Kasiely, Natiele, Carol Leite, Mayhara, 
Técnico – Bernardinho

DENTIL/PRAIA CLUBE – Lloyd, Fawcett, Fê Garay, Rosamaria, Carol e Gabriella. Líbero – Suelen
Entraram – Fabiana, Ananda, Ana Paula e Michelle
Técnico – Paulo Coco

SUPERLIGA CIMED FEMININA 18/19

11ª  rodada do turno

11.01 (SEXTA-FERIRA) – Hinode Barueri (SP) 3 x 0 São Cristóvão Saúde/São Caetano (SP), às 19h30, no José Correa, em Barueri (SP) (25/19, 25/16 e 25/19)

11.01 (SEXTA-FEIRA) – Balneário Camboriú (SC) 3 x 1 Pinheiros (SP), às 20h, no Multieventos Hamilton L. Cruz, em Balneário Camboriú (SC) (25/22, 25/22, 14/25 e 25/20)

11.01 (SEXTA-FEIRA) – Fluminense (RJ) 0 x 3 Sesi Vôlei Bauru (SP), às 20h, no Hebraica, no Rio de Janeiro (RJ) – Canal Vôlei Brasil (22/25, 21/25 e 23/25)

11.01 (SEXTA-FEIRA) – BRB/Brasília Vôlei (DF) 0 x 3 Osasco-Audax (SP), às 20h, no Sesi Taguatinga, em Brasília (DF) (11/25, 20/25 e 21/25)

11.01 (SEXTA-FEIRA) – Minas Tênis Clube (MG) 3 x 0 Curitiba Vôlei (PR), às 21h, na Arena Minas, em Belo Horizonte (MG) (25/21, 26/24 e 25/16)

11.01 (SEXTA-FEIRA) – Sesc RJ 1 x 3 Dentil/Praia Clube (MG), às 21h30, na Jeunesse Arena, no Rio de Janeiro (RJ) – SporTV 2 (25/20, 16/25, 23/25 e 24/26)

O Banco do Brasil é o patrocinador oficial do voleibol brasileiro