CBV - Dentil/Praia Clube vence Fluminense e segue invicto Superliga 2017-2018 

Dentil/Praia Clube vence Fluminense e segue invicto

Publicado em: 14/01/2018 22:55
Fabiana no ataque (Créditos: Mailson Santana/Fluminense)

O Dentil/Praia Clube (MG) estreou em 2018 com vitória e segue invicto na Superliga feminina de vôlei 17/18. Neste domingo (14.01), a equipe mineira venceu o Fluminense (RJ) por 3 sets a 2 (18/25, 25/15, 22/25, 25/19 e 15/11), no Hebraica, no Rio de Janeiro (RJ). A partida, que encerrou a quarta rodada do returno da competição, contou com o ginásio lotado.

O resultado colocou o time de Uberlândia (MG) na liderança isolada, com 41 pontos (14 vitórias). O Fluminense está na quinta colocação, com 25 pontos (9 resultados positivos e seis negativos).

A ponteira Fernanda Garay foi eleita a melhor da partida em votação popular no site da Confederação Brasileira de Voleibol (CBV) e ficou com o Troféu VivaVôlei CIMED. Ao final do duelo, a atacante fez uma análise do confronto.

“Foi importante termos começado o ano com essa vitória. Sabemos que enfrentamos dificuldades e também precisamos ressaltar os méritos do Fluminense que fez uma excelente partida. Foi um jogo nivelado por cima e muito brigado. Esse resultado fortaleceu o nosso grupo”, disse Fernanda Garay.

O Dentil/Praia Clube voltará à quadra pela Superliga no dia 23 de janeiro contra o Pinheiros (SP), às 19h30, no ginásio do Praia, em Uberlândia (MG). Já o Fluminense terá pela frente o Vôlei Nestlé (SP) no dia 27 de janeiro, às 15h, no José Liberatti, em Osasco (SP).

O JOGO

Com Fê Garay bem no ataque, o Dentil/Praia Clube fez 4/2 no início do primeiro set. O Fluminense cresceu de produção e virou o marcador (6/5). Depois de dois bons saques da oposta Carla, o time mineiro empatou (8/8). Bem no saque, as cariocas abriram cinco pontos (14/9). O bloqueio das cariocas funcionava e a diferença no placar subiu para sete pontos (18/11). O time mineiro fez três pontos seguidos e o treinador do Fluminense, Hylmer, pediu tempo (18/14). Se aproveitando dos erros das visitantes, as donas da casa venceram o primeiro set por 25/18.

O Fluminense seguiu melhor no início do segundo set e fez 3/1. O Dentil/Praia Clube cresceu de produção e virou o marcador (7/5). Neste momento, o treinador Hylmer pediu tempo. A ponteira Amandinha se destacou no ataque e as mineiras abriram quatro pontos (9/5). Bem nos contra-ataques, o time mineiro fez 15/9. O bloqueio do Dentil/Praia Clube continuou eficiente até o final da parcial e as mineiras venceram o set por 25/15.

O terceiro set começou equilibrado. Com um ataque pelo fundo da oposta Renatinha, o Fluminense fez 5/4. Numa bola de segunda da levantadora Claudinha, o Dentil/Praia Clube deixou tudo igual no marcador (10/10). A central Walewska conseguiu um ponto de saque e as mineiras abriram dois (12/10). Bem no bloqueio, as visitantes aumentaram a vantagem no placar para três pontos (16/13). Quando as mineiras fizeram 18/14, o treinador Hylmer voltou a parar o jogo. O Fluminense cresceu de produção e encostou (18/17). As cariocas voltaram a sacar com eficiência e viraram o marcador (21/20). O Fluminense foi melhor na parte final da parcial e levou a melhor no terceiro set por 25/22.

O Dentil/Praia Clube começou melhor o quarto set e fez 5/2. O Fluminense cresceu de produção e encostou (8/7). Se aproveitando dos erros das donas da casa, o time mineiro abriu quatro pontos (13/9). Bem no bloqueio, o Dentil/Praia Clube fez 18/13 e a o treinador Hylmer pediu tempo. Mesmo com a paralisação, o time de Uberlândia segurou uma reação do Fluminense e venceu o quarto set por 25/19.

O Dentil/Praia Clube fez o primeiro ponto do quinto set. O início da quinta parcial foi disputado ponto a ponto. Com um ace da oposta Renatinha, o time carioca abriu dois pontos (5/3). Numa boa sequência de saques da central Natasha, o time mineiro virou o marcador (8/7). O Dentil/Praia Clube foi melhor no final da quinta parcial e venceu o set por 15/11 e o jogo por 3 sets a 2.

SUPERLIGA FEMININA 2017/2018

EQUIPES:

Fluminense – Giovana, Renatinha, Clarisse, Michelle, Letícia Hage e Lara. Líbero – Fernanda Entraram – Ariane, Rafaela, Sanábio, Larissa,
Técnico – Hylmer 

Dentil/Praia Clube – Claudinha, Carla, Amanda, Fê Garay, Wal e Fabiana. Líbero – Suelen 
Entraram – Ananda, Ellen, Natasha, 
Técnico – Paulo Coco

 Quarta rodada do returno   

12.01 (SEXTA-FEIRA) – Vôlei Bauru (SP) 3 x 1 Sesi-SP, às 19h30, no Panela de Pressão, em Bauru (SP) (25/19, 24/26, 33/31 e 25/12)
12.01 (SEXTA-FEIRA) – Pinheiros (SP) 2 x 3 Vôlei Nestlé (SP), às 21h30, no Henrique Villaboin, em São Paulo (SP) – SporTV 2 (22/25, 28/26, 22/25, 25/22 e 13/15)
12.01 (SEXTA-FEIRA) – Camponesa/Minas (MG) 3 x 0 BRB/Brasília Vôlei (DF), às 20h, na Arena Minas, em Belo Horizonte (MG) (25/17, 25/8 e 25/22)
14.01 (DOMINGO) – Fluminense (RJ) 2 x 3 Dentil/Praia Clube (MG), às 20h30, no Hebraica, no Rio de Janeiro (RJ) – SporTV 2 (25/18, 15/25, 25/22, 19/25 e 11/15)
12.01 (SEXTA-FEIRA) – São Cristóvão Saúde/São Caetano (SP) 0 x 3 Sesc RJ, às 20h, no Lauro Gomes, em São Caetano (SP) (18/25, 21/25 e 21/25)
12.01 (SEXTA-FEIRA) – Renata Valinhos/Country (SP) 0 x 3 Hinode Barueri (SP), às 20h, no Pedro Ezequiel da Silva, em Valinhos (SP) (20/25, 18/25 e 19/25)

 O Banco do Brasil é o patrocinador oficial do vôlei brasileiro