Superliga 2019-2020
Você está em: Home > Notícias > Com destaque de Borges

Fora de casa, Sesc RJ leva a melhor sobre o Minas Tênis Clube


Publicado em: 23/11/2017 20:16
Maurício Borges, do Sesc RJ, foi eleito o melhor da partida (Créditos: Ignácio Costa/Minas Tênis Clube)

O Sesc RJ enfrentou o Minas Tênis Clube (MG) e toda a sua tradição ao jogar em casa, na Arena Minas, em Belo Horizonte (MG), e conseguiu uma importante vitória, de virada, por 3 sets a 1 (18/25, 25/15, 25/18 e 25/23), em 1h47 de partida. Com este resultado, o time carioca assegurou a sétima vitória nesta oitava rodada da Superliga masculina de vôlei 2017/2018 – o único resultado negativo sofrido foi para o Sada Cruzeiro (MG). 

Nesta noite, o ponteiro Maurício Borges teve grande atuação e foi eleito, por votação popular, o melhor da partida. Na arena onde se projetou para o vôlei profissional, o campeão olímpico recebeu o maior número de votos no site da Confederação Brasileira de Voleibol (CBV) e foi premiado com o Troféu VivaVôlei CIMED.

“Trabalhamos para estar no nosso melhor no jogo. Hoje, nosso time deixou tudo dentro da quadra, não só eu, como todos os envolvidos na partida. E o nosso time é isso, com todos juntos sempre. Esse troféu veio para mim, mas penso que seja de todo o grupo. Treinamos como uma equipe, realmente como um grupo, e o resultado vem com o trabalho. A equipe está de parabéns”, disse Maurício Borges.

Pelo Minas Tênis Clube, o central Flávio lamentou o resultado negativo e chamou atenção para uma série de jogos contra algumas das mais fortes equipes da Superliga masculina.

“Tivemos dificuldades contra o time do Sesc RJ, que joga com bolas muito velozes e tem bons atacantes. Faltou quebrar o passe deles para facilitar o nosso sistema de bloqueio e defesa. Nosso saque ainda está oscilando, mas é difícil jogar contra um time forte como o deles. Pegamos uma sequência pesada de jogos contra equipes cotadas para estar na final, como o EMS Taubaté Funvic, Sada Cruzeiro e agora o time do Rio”, destacou Flávio. 

Na nona rodada do turno, o Minas Tênis Clube enfrentará o Copel Telecom Maringá Vôlei (PR) no dia 1º de dezembro, às 20h30, novamente na Arena Minas, em Belo Horizonte (MG). O Sesc RJ já voltará a jogar na próxima quarta-feira (29.11), contra o Montes Claros Vôlei (MG), às 19h, na casa do adversário, com transmissão ao vivo do SporTV.

E, ainda por esta oitava rodada, outros quatro jogos serão disputados no sábado (25.11): Montes Claros Vôlei (MG) x Sada Cruzeiro (MG), às 15h; EMS Taubaté Funvic (SP) x Vôlei Renata (SP), às 18h30; Ponta Grossa Caramuru (PR) x Lebes Canoas (RS), às 20h, e Corinthians-Guarulhos (SP) x Sesi-SP, às 21h30, no ginásio Ponta Grande, em Guarulhos (SP), este com transmissão do SporTV. 

O JOGO

Felipe Roque marcou o primeiro ponto da partida. Japa respondeu para o Sesc RJ. As equipes seguiram trocando pontos. Com Maurício Borges, o time carioca fez 4/4. O Minas abriu dois pontos no contra-ataque de Bob (6/4) e Maurício Borges recolocou o Sesc RJ em vantagem em 7/6. Então, foi a vez da equipe da casa passar a frente no marcador: 8/7. Quando os donos da casa chegaram a 10/8, Giovane pediu tempo. Na volta, Roque fez 11/8. No ace do oposto, 13/9. Com Flávio, o Minas ainda chegou a 15/11. No bloqueio de Pétrus, o grupo mineiro colocou cindo de frente: 17/12. Quando o Minas marcou mais um, Giovane pediu tempo. Contando com erros do adversário, os donos da casa chegaram em 21/13. Em grande passagem de Maurício Borges pelo saque, o Sesc RJ chegou a 17/21. Nery Tambeiro pediu tempo. No final, o Minas sustentou a vantagem e fechou em 25/18.

Tiago Barth abriu o segundo set. Maurício Souza bloqueou e o Sesc RJ foi a 2/0. O time carioca seguiu bem e, no bom saque de Renan, abriu 4/1. Nery Tambeiro parou o jogo. O Minas reagiu e, no ace de Roque, encostou em 3/4. No ataque de Maurício Souza, o Sesc RJ colocou cinco de vantagem (8/3) e o treinador do Minas pediu seu segundo tempo. Com Maurício Borges pontuando bem, o time do Rio de Janeiro chegou a 11/5. No ace de Borges, 13/6. Contando com erros do adversário, o Minas cresceu no placar, fazendo 10/15. Na bola de segunda de Carísio, a equipe mineira marcou 13/19. Com Renan, o Sesc RJ fez 22/14. E foi com Maurício Borges que o time do Rio fechou em 25/15.

No bloqueio de Renan, o Sesc RJ fez 2/1 logo no começo do terceiro set. O Minas chegou ao ponto de empate em 4/4. O Sesc RJ passou a comandar o placar e abriu quatro de vantagem em 11/7. Com Japa pontuando no ataque, o time visitante fez 14/9. Com dois pontos de saque seguidos de PV, o Sesc RJ marcou 17/10. Marlon pontuou no bloqueio e o Minas fez 12/17. Com PV pontuando bem, o grupo carioca chegou a 20/13. E com mais um ponto de saque, desta vez com Maurício Souza, colocou 21/13. Com PV, o Sesc RJ fechou o terceiro set em 25/18 e virou o jogo.

Vanole abriu o quarto set com ponto no bloqueio. No ace de Petrus, o Minas ainda abriu 3/1. Após bom levantamento de Marlon, o time da casa chegou a 6/4. Com dois erros seguidos do adversário, o Minas marcou 9/6. O Sesc RJ encostou no placar em 9/10, mas Pétrus pontuou e fez 11/9. Com erro do Minas, o time visitante chegou ao ponto de empate (13/13). Maurício Borges colocou o eu time no comando do marcador: 14/13. A parcial seguiu com equilíbrio, com o Sesc Rio colocando apenas dois de vantagem em 18/16. No ace de Pétrus, o time mineiro chegou ao ponto de empate, deixando tudo igual em 18 pontos. Giovane pediu tempo. O set seguiu ponto a ponto (20/20). O Sesc RJ voltou a abrir dois em 22/20. O Minas voltou a empatar: 22/22. No ponto de saque de Thiaguinho, 24/22. E com Maurício Borges o Sesc RJ fechou em 25/23.

EQUIPES

MINAS TÊNIS CLUBE – Marlon, Felipe Roque, Pétrus, Flávio, Bisset e Bob. Líbero – Rogerinho
Entraram – Maique, Honorato, Davy, Carísio, Thiago Vanole
Técnico: Nery Tambeiro

SESC RJ – Thiaguinho, Renan, Maurício Souza, Tiago Barth, Japa e Maurício Borges. Líbero – Tiago Brendle
Entraram – PV, Juninho, Everaldo
Técnico: Giovane Gávio

SUPERLIGA MASCULINA 2017/2018

Oitava rodada do turno

23.11 (QUINTA-FEIRA) – Minas Tênis Clube (MG) 1 x 3 Sesc RJ, às 19h, na Arena Minas, em Belo Horizonte (MG) (25/18, 15/25, 18/25 e 23/25)
25.11 (SÁBADO) – Montes Claros Vôlei (MG) x Sada Cruzeiro (MG), às 15h, no ginásio Tancredo Neves, em Montes Claros (MG) – SPORTV 
25.11 (SÁBADO) – EMS Taubaté Funvic (SP) x Vôlei Renata (SP), às 18h30, no ginásio Abaeté, em Taubaté (SP) 
25.11 (SÁBADO) – Ponta Grossa Caramuru (PR) x Lebes Canoas (RS), às 20h, na Arena Multiuso, em Ponta Grossa (PR)
25.11 (SÁBADO) – Corinthians-Guarulhos (SP) x Sesi-SP, às 21h30, no ginásio Ponta Grande, em Guarulhos (SP) – SPORTV 
26.11 (DOMINGO) – Copel Telecom Maringá Vôlei (PR) x JF Vôlei (MG), às 21h, no ginásio Chico Neto, em Maringá (PR) – SPORTV 

O Banco do Brasil é o patrocinador oficial do voleibol brasileiro