Fora de casa, Minas Tênis Clube vence Vôlei Renata

Publicado em: 04/11/2017 17:03
Bisset, à direita, foi eleito o melhor da partida (Créditos: Marcos Ribolli/Vôlei Renata)

Com o ponteiro cubano, Bisset, sendo o maior pontuador e eleito, por votação popular, o melhor da partida, o Minas Tênis Clube (MG) conseguiu boa vitória neste sábado (04.11), mesmo atuando fora de casa. Pela quarta rodada do turno da Superliga masculina de vôlei 2017/2018, a equipe mineira venceu o Vôlei Renata (SP) por 3 sets a 0 (25/21, 25/16 e 25/20), no ginásio do Taquaral, em Campinas (SP).

O ponteiro do Minas, Bisset, marcou 18 pontos, teve o maior número de votos no site da Confederação Brasileira de Voleibol (CBV) e, por isso, foi considerado o melhor jogador em quadra. Premiado com o Troféu VivaVôlei CIMED, o jogador elogiou a atuação do seu time neste sábado.

“Hoje tentamos cometer menos erros, jogar uma partida melhor que outros jogos, aprendendo cada vez mais e conseguimos. Hoje deu certo, as coisas aconteceram da forma como gostaríamos e saiu a vitória”, comentou Bisset.

Outro destaque do Minas Tênis Clube, o experiente levantador Marlon falou sobre a importância do ponteiro cubano no seu time, o seu papel de capitão da equipe mineira, e, também, elogiou o adversário. 

“Hoje era importante o Bisset fazer o jogo dele. Ele foi fundamental na virada do primeiro set, na qualidade de força que o cubano tem e ele vem crescendo e cada vez. Temos um coletivo muito forte e na minha função de capitão as coisas têm que ficar muito claras. Campinas merece muito respeito, e a gente sabe do valor deles”, comentou Marlon.

Pelo Vôlei Renata, o oposto Leandro Vissotto lamentou não apenas o resultado negativo, mas, especialmente, a atuação abaixo do esperado diante de seus torcedores.

“Foram dois jogos em casa onde jogamos bem abaixo do que gostaríamos. Jogamos bem quando estivemos fora e hoje não conseguimos repetir isso. O Minas colocou pressão, nós sofremos muito no passe e o jogo começa ali. Com isso, o ataque já fica complicado. Agora temos que já pensar no próximo adversário, no que podemos melhorar e trabalhar duro durante a semana”, disse Vissotto.

Na quinta rodada, o Vôlei Renata irá a Minas Gerais enfrentar o Montes Claros Vôlei (MG) na próxima quarta-feira (08.11), ás 20h30. O Minas jogará em casa no mesmo dia, contra o Sesi-SP, às 20h.

E já pela quarta rodada, o Sesc RJ venceu o Copel Telecom Maringá Vôlei (PR) por 3 sets a 0, o Sada Cruzeiro (MG) bateu o Ponta Grossa/Caramuru (PR) por 3 a 1 e o Corinthians-Guarulhos (SP) levou a melhor sobre o Montes Claros Vôlei por 3 a 2. 

Ainda neste sábado haverá o confronto entre Sesi-SP e JF Vôlei (MG), às 21h45, com transmissão ao vivo do SporTV e, neste domingo (05.11), no encerramento da rodada, o EMS Taubaté Funvic (SP) receberá o Lebes Canoas (RS) às 13h, com transmissão da RedeTV.

O JOGO

O Vôlei Renata começou melhor a partida. No ace de Tiago Mão, a equipe da casa abriu 5/2 e forçou o técnico adversário a pedir tempo. No bloqueio de Bisset, o Minas Tênis Clube marcou 5/7. Com Mão no contra-ataque, o time da casa voltou a abrir três de vantagem: 9/6. Duas vezes seguidas com Vini, o Vôlei Renata chegou a 12/9. Em passagem de Diogo pelo saque, a vantagem foi a quatro pontos em 16/12. Com dois pontos de saque seguidos de Bisset, o Minas encostou em 15/16. O placar ficou igual em 17/17 e o time visitante chegou a abrir dois em 19/17. Depois de ponto de saque de Marlon, o Minas foi a 21/18. Dileo pediu tempo. O Minas seguiu melhor e no bloqueio de Flávio fechou em 25/21.

No ponto de saque de Vissotto, o Vôlei Renata marcou 3/1 no começo do segundo set. No erro de saque do adversário, a equipe da casa marcou 6/3. O Minas Tênis Clube reagiu e no ace de Pétrus deixou tudo igual em 6/6. Quando a equipe mineira assumiu o comando do marcador (8/7), Dileo pediu tempo. Mais uma parada solicitada pelo técnico do Vôlei Renata quando o adversário chegou a 12/7. Com Bisset, o time mineiro fez 15/8. Mais uma vez com o cubano, dessa vez na pipe, o Minas marcou 19/12. No ace de Bisset, 24/15 E no erro de saque do adversário, o Minas fechou em 25/16.

Honorato abriu o placar do terceiro set. O Vôlei Renata respondeu e com ponto de Diogo chegou a 4/2. Então foi a vez do Minas reagir, deixar tudo igual em 5/5 e, no erro do adversário, assumir o comando do marcador (6/5). Com Flávio pelo meio, o Minas colocou três de vantagem em 10/7. Quando o adversário foi a 14/9, Dileo pediu tempo. O Vôlei Renata buscou e, com Vissotto, encostou em 12/13. Nery Tambeiro pediu tempo. No ace de Vissotto, o Vôlei Renata chegou ao ponto de empate: 14/14. Contando com erros do adversário, o Minas fez 16/14. Flávio pontuou e fez 19/16 a favor dos visitantes. O adversário chegou a 22/19 e Horacio Dileo pediu tempo. Na sequência, o Minas Tênis Clube fechou o set em 25/20 e o jogo em 3 sets a 0.

EQUIPES

VÔLEI RENATA – Rodriguinho, Vissotto, Vini, Júnior, Diogo e Tiago Mão. Líbero – Bello
Entraram – Renan, Matheus, Salsa
Técnico: Horacio Dileo

MINAS TÊNIS CLUBE – Marlon, Felipe Roque, Flávio, Pétrus, Bisset e Honorato. Líbero – Rogerinho
Entraram – Maique, Carísio, Davy
Técnico: Nery Tambeiro

SUPERLIGA MASCULINA 17/18

Quarta rodada do turno

02.11 (QUINTA-FEIRA) – Sesc RJ 3 x 0 Copel Telecom Maringá Vôlei (PR), às 19h, no ginásio do Tijuca, no Rio de Janeiro (RJ) (25/19, 25/23 e 25/23)
03.11 (SEXTA-FEIRA) – Ponta Grossa/Caramuru (PR) 1 x 3 Sada Cruzeiro (MG), às 20h, na Arena Multiuso, em Ponta Grossa (PR) (20/25, 25/23, 21/25 e 28/30)
04.11 (SÁBADO) – Corinthians-Guarulhos (SP) 3 x 2 Montes Claros Vôlei (MG), às 11h, no Ginásio Ponte Grande, em Guarulhos (SP) (17/25, 25/17, 21/25, 25/22 e 15/10)
04.11 (SÁBADO) – Vôlei Renata (SP) 0 x 3 Minas Tênis Clube (MG), às 15h, no Taquaral, em Campinas (SP) (21/25, 16/25 e 20/25) 
04.11 (SÁBADO) – Sesi-SP x JF Vôlei (MG), às 21h45, na Vila Leopoldina, em São Paulo (SP) – SPORTV 
05.11 (DOMINGO) – EMS Taubaté Funvic (SP) x Lebes Canoas (RS), às 13h, no Ginásio Abaeté, em Taubaté (SP) – REDETV 

O Banco do Brasil é o patrocinador oficial do vôlei brasileiro