Vôlei Brasil Kirin vence duelo equilibrado contra Montes Claros Vôlei

Publicado em: 19/03/2017 18:42
Jogadores do Brasil Kirin comemoram ponto (Créditos: Washington Alves/Inovafoto/CBV)

A série considerada mais equilibrada das quartas de final da Superliga masculina de vôlei 2016/2017, entre quarto e quinto colocados, correspondeu a expectativa. No jogo que encerrou a primeira rodada da nova fase da competição, neste domingo (19.03), a vitória ficou com o Vôlei Brasil Kirin (SP), que bateu o Montes Claros Vôlei (MG), por 3 sets a 1, com todas as parciais sendo decididas com dois pontos de diferença: 25/23, 25/27, 27/25 e 25/23. A partida teve 2h13 de duração no ginásio Tancredo Neves, em Montes Claros (MG).

O oposto Rivaldo teve atuação decisiva para a vitória da equipe de Campinas (SP). O atacante pontuou bem, foi o maior pontuador do jogo, com 20 acertos, mas também bloqueou e defendeu. Ao final da partida, foi eleito o melhor jogador em quadra, através de votação popular no site da Confederação Brasileira de Voleibol (CBV), e recebeu o Troféu VivaVôlei, programa de responsabilidade social da entidade que atende crianças de 7 a 14 anos por meio de escolinhas de vôlei.

Satisfeito com o resultado, Rivaldo já pensa nos próximos compromissos do seu time, que serão em casa, diante de sua torcida. Em Campinas, o oposto espera garantir a classificação para as semifinais. “Tudo indica que a série vai ser bem longa. O equilíbrio é total, e já era esperado que fosse a disputa mais equilibrada do playoff. Agora é estudar muito e tentar fazer valer o mando de quadra na próxima rodada”, disse Rivaldo.

Outro destaque do jogo ficou por conta do central Robinho, do Montes Claros Vôlei, que jogou com dores no joelho, mas garantiu que não houve problema. “Nesse momento de playoff, esquecemos a dor e tentamos buscar a melhor forma de ajudar a equipe. Vamos para o próximo jogo, trabalhar forte porque superar esse time não é nada fácil. Aqui, perdemos nos detalhes, em erros bobos, mas vamos corrigir durante os treinos para chegarmos bem a Campinas”, afirmou Robinho.

O segundo encontro entre essas equipes pela segunda rodada das quartas de final será no sábado (25.03), às 14h10, desta vez no ginásio do Taquaral, em Campinas (SP). A partida terá transmissão ao vivo da RedeTV e do SporTV.com. O terceiro, também na casa do Brasil Kirin, será no dia 30, às 21h55, novamente com transmissão da RedeTV e SporTV.com.

Na primeira rodada das quartas de final, além do Vôlei Brasil Kirin, também saíram em vantagem as equipes do Sada Cruzeiro (MG), Funvic Taubaté (SP) e Sesi-SP – os quatro primeiros colocados na tabela de classificação da primeira fase da Superliga.

O JOGO

O Vôlei Brasil Kirin abriu o placar do jogo com Rivaldo. Com dois bons saque de Maurício Souza, o time visitante abriu 3/0. Rivaldo ainda marcou 4/0 e Marcelinho Ramos pediu tempo. No ponto de saque de Salsa, o Montes Claros Vôlei fez 5/9. Com o oposto Rivaldo pontuando bem, o time paulista marcou 11/5. Os donos da casa reagiram, fizeram 8/11, e Dileo parou o jogo. Na volta, Robinho pontuou e o Montes Claros fez 9/11. Em combinação de Rodriguinho com Vini, o Brasil Kirin chegou a 15/12. Com dois pontos seguidos de Bob, o time da casa encostou em 16/17. A equipe de Campinas voltou a abrir três pontos: 20/17. Montes Claros encostou no placar de novo (19/20) e Dileo pediu tempo. No erro do adversário, a equipe mineira empatou. Temponi pontuou e levou o Brasil Kirin a 23/21. A reta final do set foi extremamente equilibrada, com o time paulista a frente em 24/23. Rivaldo fechou em 25/23 para o Vôlei Brasil Kirin.

O segundo set começou com equilíbrio, com as equipes empatando em 2/2. Mais um empate em 5/5. Com Luan Weber pela saída de rede, o Montes Claros Vôlei chegou a mais um ponto de empate: 8/8. Com o equilíbrio mantido, Diogo colocou o Brasil Kirin empatado em 11/11. A equipe visitante conseguiu abrir dois em 16/14. Com ace de Maurício Souza, o Vôlei Brasil Kirin fez 17/14 e Marcelinho Ramos pediu tempo. Luan Weber devolveu o ponto de saque e o Montes Claros encostou em 16/17. Foi a vez de Horacio Dileo parar o jogo. Na volta, a equipe da casa empatou em 17/17. No bloqueio, o time visitante voltou a abrir dois (19/17). Temponi marcou 21/17. Em boa reação, o Montes Claros encostou em 20/21. As equipes empataram em 22/22 e de novo em 24/24. No final, melhor para o Montes Claros Vôlei, que fechou em 27/25.

Luan colocou o Montes Claros com um de vantagem logo no começo do set: 3/2. No ace de Vini, o Brasil Kirin fez 6/4. No erro do adversário, o time da casa empatou em 6/6. Com Diogo, a equipe visitante voltou a abrir vantagem em 9/6. O Montes Claros buscou e empatou em 10/10. O time de Campinas fez 13/11 e os donos da casa voltaram a deixar tudo igual em 13/13. No erro de saque do adversário, a equipe campineira fez 17/16. Salsa levou o Montes Claros ao empate em 19/19. O Vôlei Brasil Kirin marcou 21/20 e Marcelinho Ramos pediu tempo. Na volta, Luan pontuou (20/20). O time paulista fez 24/21. No bom saque de Murilo, o Montes Claros chegou a 23/24. Robinho bloqueou e a equipe mineira fez 24/24. No ponto de saque de Maurício Souza, o Brasil Kirin venceu o terceiro set por 27/25.

O Montes Claros Vôlei começou melhor e fez 4/2. O Brasil Kirin aproximou no placar em 4/5 e com Temponi chegou ao ponto de empate: 5/5. Com Robinho pontuando bem no ataque e no bloqueio, o time mineiro abriu boa vantagem em 9/6 e Horacio Dileo parou o jogo. No bloqueio de Robinho, o placar foi a 11/6. Com Luan, 13/7. O Brasil Kirin marcou dois pontos seguidos (9/13) e Marcelinho Ramos pediu tempo. A vantagem mineira aumentou em 17/12. O Montes Claros fez 19/15. Em boa passagem de Maurício Souza pelo saque, o Brasil Kirin reduziu a diferença no placar para 17/19. E depois chegou ao empate em 20/20. Com Diogo pontuando bem, o time de Campinas assumiu o comando do placar em 22/21. Vini bloqueou e fez 23/22. No ponto de saque de Rodriguinho, o Brasil Kirin fechou em 25/23.

EQUIPES

MONTES CLAROS VÔLEI – Murilo Radke, Luan Weber, Salsa, Robinho, Bob e Jonatas. Líbero – Gian

Entraram – Alê

Técnico: Marcelinho Ramos

VÔLEI BRASIL KIRIN – Rodriguinho, Rivaldo, Maurício Souza, Vini, Diogo e Temponi. Líbero – Tiago Brendle

Entraram – Jotinha, Baiano, Matheus

Técnico: Horacio Dileo

GALERIA DE FOTOS

http://superliga.cbv.com.br/galeria/1827/montes-claros-mg---19.03.2017---superliga-masculina---montes-claros-volei-mg-x-volei-brasil-kirin

SUPERLIGA MASCULINA DE VÔLEI 2016/2017

QUARTAS DE FINAL

Primeira rodada

17.03 (SEXTA-FEIRA) – Sada Cruzeiro Vôlei (MG) 3 x 0 Lebes/Gedore/Canoas (RS), às 19h, no ginásio do Riacho, em Contagem (MG) (25/20, 25/17 e 25/17)

18.03 (SÁBADO) – Sesi-SP 3 x 2 Minas Tênis Clube (MG), às 14h10, no Sesi Vila Leopoldina, em São Paulo (SP) (20/25, 23/25, 25/23, 25/23 e 18/16)

18.03 (SÁBADO) – JF Vôlei (MG) 0 x 3 Funvic Taubaté (SP), às 15h30, na UFJF, em Juiz de Fora (MG) (27/29, 23/25 e 18/25)

19.03 (DOMINGO) – Montes Claros Vôlei (MG) 1 x 3 Vôlei Brasil Kirin (SP), às 15h, no ginásio Tancredo Neves, em Montes Claros (MG) (23/25, 27/25, 25/27 e 23/25)

O Banco do Brasil é o patrocinador oficial do vôlei brasileiro